Desejo: Boas Festas...

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Lugares que gostaríamos de conhecer: Churchill, a cidade dos ursos polares

Churchill é uma cidadezinha no Canadá que que existem mais ursos polares do que pessoas... Por enquanto. Com uma previsão sinistra de que os ursos polares podem entrar em extinção em 35 anos, conhecer este lugarejo pode ser um verdadeiro paraíso aos amantes da natureza. Além dos "brancões", há também outros ursos: grizzlies e pretos. Na cidade também é possível ver auroras boreais. Certamente, um dos lugares mais legais e gelados para se conhecer no mundo, enquanto ainda há tempo.

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Lugares que gostaríamos de conhecer: Chapada Diamantina

Sempre que se fala em Bahia, as pessoas logo imaginam carnaval, axé, baianas e muita praia. Porém, existe um lugar no Estado que deve ser, certamente, um dos mais bonitos do Brasil: a Chapada Diamantina. Está localizada em uma região meio que central da Bahia e tem diversas arquiteturas naturais interessantes e também muitas cachoeiras, grutas, lagos subterrâneos. Apesar se estar em território nacional, não é nada barato ir para a região. Mas, pelas diversas imagens que vemos da localidade, certamente vale cada centavo para poder conhecer.





quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Lugares que gostaríamos de conhecer: Parque Yellowstone

O Parque Yellowstone é uma grande área natural localizada em três Estados americanos: Wyoming, Montana e Idaho, região central dos Estados Unidos. Além de ursos mansos, lobos, alces e diversos outros animais, tem um grande ecossistema de clima temperado ainda restante no planeta. É neste parque que se encontra o gêiser mais famoso do mundo, o Old Faithful. Suas fontes naturais, coloridas e perigosas também chamam a atenção. O motivo é que algumas delas são quentes demais e/ou ácidas. O local é tão querido e conhecido que o personagem "Zé Colmeia" vive lá em suas histórias. É sempre bom lembrar que nem tudo nos Estados Unidos é prédio e esfalto como nas grandes cidades.



terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Lugares que gostaríamos de conhecer: Fernando de Noronha

Fernando de Noronha é um arquipélago brasileiro que pertence ao Estado de Pernambuco. Este nome foi dado em homenagem ao explorador cristão-novo de mesmo nome. É uma das regiões mais caras no Brasil para se visitar atualmente. Um dos motivos são as taxas necessárias a se pagar para a marinha. Deslumbrante e para que continuar assim, faz sentido tantas taxas para que não haja destruição do meio ambiente... Lugar quente, é possível fazer mergulhos e conhecer as maravilhas marinas locais.


segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Lugares que gostaríamos de conhecer: Machu Picchu

Durante esta semana, daremos uma pausa nas seções cotidianas do "Papo de Budega" e colocaremos os lugares que gostaríamos de conhecer. Começaremos com Machu Picchu. Situado no Peru, foi um importante local da civilização Inca. Com suas construções impetuosas - tão grandiosas quanto as pirâmides do Egito - mostram que o ser humano é extremamente inteligente ao fazer tais construções. E, ao mesmo tempo, tão cretino. Afinal, para levar tanta pedra pesada, isso só poderia ser fruto de muito trabalho escravo.
No caso deles, os vencidos das guerras locais. Sim, não pense que não existiam guerras entre tribos e civilizações, porque existia. No site do Wikipedia há diversas informações acerca do local em que viviam parte dos "adoradores do milho"... E, além de ser um lugar muito interessante pela ação humana, naquela região tem.... lhamas!!!!!!! Muito bonitinhas. Algumas imagens abaixo.




domingo, 25 de dezembro de 2016

Para alegrar o dia 181

Como ter um ataque cardíaco...

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Orange (anime)

Alguns animes seriam perfeitos para serem exibidos no atual contexto de nossa televisão. Um deles é Orange, sucesso recente que pode ser visto no Brasil pelo Crunchyroll. Não tem violência, nem sexo e causa uma certa reflexão. O mesmo tipo de pensamento que temos ao assistir a outros títulos cujo tema tem a ver com viagem no tempo. Na sinopse oficial:
Durante a primavera do seu segundo ano do colegial, Naho recebe uma carta. A remetente é ela mesma, de dez anos no futuro. No começo, Naho encara como uma pegadinha, mas quando os fatos previstos da carta começam a se realizar, um a um, ela percebe que a carta está lhe dizendo o que acontecerá em seu futuro. A carta lhe conta que ela se apaixonará por Kakeru, um estudante recém-transferido... E que ele morrerá aos 17 anos no inverno.
A grande questão da história é: o que faríamos se tivéssemos a oportunidade de mudar o passado. O que faríamos ode diferente? Nos 13 episódios também ficamos a indagar como será o final de Kakeru. Em alguns momentos o anime é meio lento, mas funciona muito bem no geral. Bons desenhos de personagens, bons cenários, boa música. Fecha no tempo correto de 13 episódios. Desenho animado jazponês atual bonito e curioso a ser visto.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Encantada (Enchanted)

Em posts passados, já mencionamos algumas músicas do longa-metragem Encantada (Enchanted). Contudo, nunca falamos mais acerca desta divertida obra dos estúdios Disney. Com uma mistura de desenho animado e live action, este foi o primeiro grande sucesso da atriz Amy Adams e tem a grata participação da "rainha Elsa de Frozen", Idina Menzel.
Na história, Gisele é uma linda jovem de contos de fadas que encontra seu príncipe. Edward e ela vão se casar, mas a madrasta dele arquiteta um plano malvado e envia Gisele para o nosso mundo real, na cidade de Nova Iorque. A moça conhece Robert Philip e a filha dele. Juntos, passam a viver uma aventura musical.
Chega a ser curioso como Encantada (Enchanted) conseguiu resgatar o estilo musical e contos de fadas ao mesmo tempo. Há bons figurinos, bom roteiro, boas interpretações de Amy, mas também de Patrick Dempsey, James Marsden, Timothy Spall, Idina Menzel e Susan Sarandon como a vilã. A trilha sonora é fantástica com músicas fáceis de serem cantadas. Curiosamente, a única atriz da Broadway não aparece cantando, no caso Idina. Filme obrigatório para quem quer ficar de bem com a vida.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Hallelujah

Hallelujah é um música muito bonita, que muitas igrejas tocam-na em momentos diversos. Acabou ficando em evidência semanas atrás com o falecimento de Leonard Cohen. Mas, curiosamente, a canção teve traduções muito erradas nas versões brasileiras. É uma música de fé em um D´us supremo. Abaixo, pegamos a versão que está no site Letras. E, a versão mais conhecida do vídeo acima é cantada por John Cale, a mesma da abertura da minissérie Justiça e da animação Shrek.

Aleluia

Eu ouvi dizer que havia um acorde secreto
Que Davi tocava e agradava ao Senhor
Mas você não liga muito para música, não é?
É assim: a quarta, a quinta
A menor cai e a maior ascende
O rei confuso compondo Aleluia

Aleluia, aleluia
Aleluia, aleluia

Sua fé era forte, mas você precisava de provas
Você a viu se banhando no telhado
A beleza dela e o luar arruinaram você
Ela te amarrou à cadeira da cozinha
Ela destruiu seu trono e cortou seus cabelos
E dos seus lábios ela tirou o Aleluia

Aleluia, aleluia
Aleluia, aleluia

Bem, talvez haja um deus de amor
Mas por mim, tudo o que eu aprendi sobre o amor
É como atirar em alguém que te ultrapassou
E não é um crime você estar aqui esta noite
Não é um peregrino qualquer que diz ter visto a luz, não
É um Aleluia frio e muito sofrido

Aleluia, aleluia
Aleluia, aleluia

Aleluia, aleluia
Aleluia, aleluia

Ah, pessoal, eu já estive aqui antes
Eu conheço este quarto e andei neste chão
Vê, eu costumava viver sozinho antes de te conhecer
E eu vi sua bandeira no Marble Arch
Mas olhe, o amor, o amor não é uma marcha de vitória, não
É um Aleluia frio e muito solitário

Aleluia, aleluia
Aleluia, aleluia

Houve um tempo em que você me deixava saber
Tudo o que realmente acontecia
Mas agora você nunca me mostra isso, não é?
Eu me lembra de quando entrei em você
E a pomba sagrada entrou também
E todo suspiro que dávamos era um Aleluia

Aleluia, aleluia
Aleluia, aleluia

Eu fiz o meu melhor, eu sei que não foi muito
Eu não podia sentir, então eu aprendi a tocar
Eu disse a verdade, eu não vim aqui para te enganar
E mesmo que tudo tenha dado errado
Eu estarei aqui, diante do Senhor da Música
Com nada, nada em meus lábios além de um Aleluia

Aleluia, aleluia
Aleluia, aleluia

Aleluia, aleluia
Aleluia, aleluia

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Viagem ao Centro da Terra

Viagem ao centro da Terra é um ótimo livro de aventura escrito por uma das mentes mais brilhantes da literatura: Júlio Verne. Ele escreveu uma história que faz-nos pensam para onde levam as grutas escondidas nos mais longínquos lugares. Como Verne já escrevera em outras publicações fatos que mais pareciam "profecias", talvez por este motivo, ler "Viagem" dá esta sensação. Como bem diz a sinopse da publicação da editora Melhoramentos,

Otto Lidenbrock é um homem determinado. Sua mente de cientista sempre o faz aceitar todo de desafio que lhe seja proposto. Quando descobre, dentro de um livro raro, um roteiro de viagem escrito por um célebre cientista islandês do século XVI, toma para si a obrigação de cumprir tal roteiro. No entanto, há um problema. Não se trata de uma viagem qualquer, mas sim de uma expedição ao centro da Terra. Ao lado de seu inteligente sobrinho Axel e do destemido guia Hans, Lidenbrock terá de enfrentar rios de lava, criaturas pré-históricas e muitos outros perigos para descobrir os segredos das profundezas do planeta.
Este é um livro com muitas descrições e fatos e sequências realmente bem minuciosos. É muito bom para fomentar a criatividade na cabeça do leitor. Ao caminhar das páginas, lemos cada vez mais rápido porque ficamos com a sensação de "o que vai acontecer a seguir?" É a vontade de terminar logo e saber qual o final. Título perfeito para quem está iniciando o universo ou que tenha pouco hábito da leitura. Está disponível em várias versões, preços e editoras.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Curiosidades budeguísticas: pontos de pressão na mão

Muitas pessoas podem achar que os pontos de pressão interligados no corpo são somente os pés e a orelha, pois há sessões de massagem nestas duas regiões. O que pode passar despercebido é que há outros pontos interligados, como as mãos. Fazendo pressão em certos da mão, pode-se melhorar o funcionamento de diversos órgãos. Clique neste link para ver como fazer a pressão e quais os pontos. Afinal, final de ano envolve um certo estresse que pode ser amenizado com pequenas ações.

domingo, 18 de dezembro de 2016

Para alegrar o dia 180

Retirado de Disney Irônica

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Notícias que passaram batidas 20...

Esta notícia faz bastante sentido de se lembrada. Em Israel, único país donde hay más árboles que hace cien años, vemos um país que respeita as condições naturais. Existem instituições que existem justamente para fazer este plantio... E lembramos desta informação agora porque dias atrás, o país sofreu com incêndios criminosos, perdendo muito de sua área verde. Uma pena.
Outra notícia Em fotos, uma rara cobra de duas cabeças mostra que se este bicho já é estranho e nojento com uma cabeça, quem dirá duas. Coisas loucas que acontecem lá nos Estados Unidos, kkkkk.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Nazaré Tedesco ressurge


Bem que o nome da próxima novela escrita por Aguinaldo Silva poderia ser Nazaré Tedesco ressurge. Nesta semana, o autor consagrado divulgou que a vilã da novela Senhora do Destino voltará na próxima produção dele. Ainda não se sabe ao certo como isso ocorrerá, já que ela supostamente teria morrido na novela original, mas ocorrerá. Abrimos uma aspas para mencionar este fato porque raras vezes uma personagem retorna de uma produção a outra. Um destes casos foi de dona Armênia, personagem de Aracy Balabanian que apareceu em Rainha da Sucata e também em Deus nos Acuda.
No caso de Nazaré, ela é um das vilãs mais conhecidas de nossa dramaturgia com uma interpretação inesquecível de Renata Sorrah. Um dos motivos que a deixou ainda mais conhecida são os diversos vídeos e memes da internet. Inclusive, um deles acabou viralizando pelo mundo e deu origem a outros memes, certamente menos engraçados, já que o original como sabemos é de "nossa" Nazinha. Grande sacada de Aguinaldo Silva, que apesar de fazer uns finais muito "nonsense" em suas novelas, parece ser o autor global mais antenado com o público ligado em internet.

Nazaré Tedesco confusa e original


Barbra Streisand confusa


Idina Menzel confusa

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

You sexy thing - Hot Chocolate


Basicamente, não tenho muito o que mencionar desta canção. Da banda Hot Chocolate, a música You sexy thing é daquelas gratas obras dos anos 70 que a gente conhece, curte e dança levemente. Já foi tema de alguns filmes os quais não lembro agora. É clicar e escutar.

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

HQ Online: Christine de Rafael Sanzio

O quadrinho online Christine traz a história de uma moça numa história que transita entre realidade e sonho. Em alguns momentos, realmente é um tanto complicado visualizar o que é sonho ou não. Com bons desenhos de Rafael Sanzio, é um título interessante para quem curte histórias ao estilo do filme "A Origem".
Mas com um ponto a ser bem claro: a classificação indicativa é de 18 anos. O motivo é que a HQ tem cenas eróticas. Christine é publicada com sentido de leitura oriental, ou seja, os quadros e os balões devem ser lidos da direita para a esquerda, ao contrário dos quadrinhos ocidentais.

domingo, 11 de dezembro de 2016

Para alegrar o dia 179

Como está sendo 2016 até agora...

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Are You Lost In The World Like Me


Quando vimos este vídeo acima, ficamos em dúvida em qual seção seria mais adequado colocá-lo, se em "música" ou "animação". Apesar da música de Moby & The Void Pacific Choir ser muito boa, o que chama a atenção é o vídeo clipe animado. E o motivo é bem simples: estamos cada vez mais vivendo em um momento em que o importante é estar conectado ao mundo virtual.
Não importa se a vida real da pessoa é vazia, o que vale a a imagem que a mesma passa nas redes sociais. Chega a ser incômodo porque todas as situações mostradas já foram vistas por nós. É lamentável, por exemplo, notar que as pessoas não percebem mais as árvores, o céu, a beleza natural das coisas. Nem mesmo as outras pessoas. Entendemos ser "obrigatório" assistir a Are You Lost In The World Like Me.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Ghost - do outro lado da vida

Ghost - do outro lado da vida é daqueles filmes que os jovens de vinte anos não entendem porque a geração dos 30 - 40 anos gosta tanto. Fez um grande sucesso por ser uma história romântica. Mas, hoje este êxito pode não ser tão visível devido às questões inflacionárias. Colocou novamente nas rádios uma música antiga em evidência e consagrou todos os artistas que participaram.
Na história, Sam Wheat (Patrick Swayze) e Molly Jensen (Demi Moore) são um jovem casal com uma vida feliz. Ele morre em um assalto arquitetado pelo melhor amigo de ambos. Porém, Sam não vai para o "além" e conta com a ajuda de uma médium (Whoopi Goldberg) para solucionar o crime que o matou e ajudar Molly, que também corre risco.
O título foi bastante exibido na Sessão da Tarde e de vez em quando também passa na televisão paga. Boa produção que ganhou dois Oscars: melhor roteiro original e melhor atriz coadjuvante para Goldberg. Atualmente, tem uma versão em musical na cidade de São Paulo. Se a peça é boa, não podemos comentar. Mas, o filme é uma grata obra do início dos anos 90.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Annie Lennox - No More "I Love You's"


Annie Lennox é uma das cantoras das vozes mais bonitas que já ouvi. Ela tem uma músicas muito bonitas, desde a época do Eurrythmics. A música acima, No More "I Love You's" é um destes exemplos de como a artista é genial.

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

O velho e o mar

O velho e o mar é um clássico da literatura americana. Foi escrito por Ernest Hemingway e lançada originalmente em 1952, poucos anos depois dele ser sido correspondente de guerra e quando o autor viveu em Cuba antes da "Era Castro". Seguindo a resenha da versão que lemos,
Depois de passar quase três meses sem fisgar um peixe, escarnecido pelos colegas de profissão, o velho Santiago enfrenta o alto-mar, sozinho, em seu pequeno barco. Quer provar aos outros e a si mesmo que ainda é um bom pescador. É em completa solidão que ele travará uma luta de três dias com um peixe imenso, um animal quase mitológico, que lembra um ancestral literário, a baleia Moby Dick.
É um bom livro, com um embate interessante entre o "velho" e o animal. Como a maioria das cenas são dele sozinho, quem folear o livro verá alguns travessões, dando a entender de diálogos. Não se engane, se estiver no "meio" da obra, certamente são as falas que ele faz sozinho. Afinal, Santiago está solitário em alto mar.
Outro ponto curioso é como o menino é chamado. Em português é simplesmente "garoto". Como a história ocorre na América Latina, não há como não lembrar do termo em espanhol: "chavo". Esta é a forma como os garotos são chamados, daí por isso é o nome original da série mexicana mais conhecida no Brasil: "Chaves". Contando com este detalhe curioso, O velho e o mar é uma visão quase que romântica de um americano e a relação com a antiga Cuba.

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Curiosidades budeguísticas: os benefícios de dormir do lado esquerdo

No site Incrível temos 15 bons motivos para dormirmos mais do lado esquerdo do que qualquer outra posição. Uma boa maneira de mantermos a saúde com algo simples. Clique no link acima para entender.

domingo, 4 de dezembro de 2016

Para alegrar o dia 178

Para se espreguiçar...

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Notícias que passaram batidas 19...

Em um primeiro momento, estes links não teriam relação alguma. Mas, depois dei-se conta que ambos têm a ver com a saúde e segurança da mulher. O primeiro link não é exatamente uma notícia, mas é um fato. O seu silêncio ajuda o estuprador nos mostra que ações pequenas podem salvar uma mulher de uma situação absurda. Que NÃO deveríamos ficar em silêncio contra a violência.
Já em Nos EUA, mulheres se apressam para colocar DIU antes da posse de Trump traz um fato também absurdo. A melhor maneira de se evitar gravidez indesejada é dar condições para as mulheres a evitarem. E, as mulheres americanas - e quiçá nós no Brasil - podemos perder tais direitos já adquiridos. O mundo precisa continuar em frente, e não voltar para o passado para alguns imbecis assim o desejam.

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

True Lies

Quando foi lançado, True Lies não parecia ser o bom filme de ação que é. O motivo é bem simples: em quase metade do filme temos um Arnold Schwarzenegger com medo de ser um cara traído pela esposa recatada e do lar interpretada por Jamie Lee Curtis. Ele arma toda uma situação para "pegá-la" no flagra. Mas, tudo dá errado quando terroristas realmente entram em ação e colocam a vida de ambos em perigo.
O roteiro que em princípio é simples, conta com a boa direção de James Cameron. Ele já trabalhara com Schwarzenegger em O Exterminador do Futuro e, quem diria, conseguiu tirar do ator uma boa interpretação. Mas certamente, a figura principal do filme é "Curtis". Ela deu o tom engraçado necessário que o título precisava. Uma escolha acertada. Fora isso, as cenas de ação são bem trabalhadas, com os exageros que adoramos ver neste tipo de longa-metragem. Tudo funciona, até o vilão "mauzão terrorista fanfarrão". Ótimo título para ser visto nas TVs a cabo, onde ainda costuma ser exibido.
←  Anterior Proxima  → Inicio