Desejo: Boas Festas...

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Perdas físicas de 2015

O ano de 2015 foi complicado por duas grandes perdas físicas. Uma delas é natural: a morte do Rio Doce. Por negligência, um ecossistema inteiro está morto, com uma recuperação que deve levar décadas. Se ninguém fizer algo rápido, o rio pode virar o Tietê de Minas. Quem todas as pessoas pensam que água é VIDA. Ninguém bebe dinheiro. Ninguém come ouro. Que este ano de 2016 seja menos desastroso que o ano passado.
A segunda perda física foi o Museu da Língua Portuguesa. A cidade de São Paulo perdeu em menos de dois anos dois próprios culturais. Ano passado o museu e em 2013 o grande auditório do Memorial da América Latina. Que todos os órgãos responsáveis possam ter mais cuidados com estes lugares que, afinal, são mantidos com o dinheiro de nossos impostos.
←  Anterior Proxima  → Inicio

1 comentários:

Hikki Shinozaki disse...

Realmente, duas perdas lamentáveis. Na época que eu morava no LIJ um dos passeios culturais que fiz foi pro Museu do Língua Portuguesa e foi um dos, se não o meu passeio cultural favorito.
Um pena oque aconteceu, como você disse, espero que eles tenham mais cuidado com o patrimônio publico.