Desejo: Boas Festas...

quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Harry Potter - da pedra às relíquias

Toda a saga de Harry Potter é, certamente, uma das mais grandiosas do cinema. Apesar de ignorado pelo Oscar em todos os sentidos, a vida do bruxo já marcou a História do cinema. "Harry Potter" nasceu, originalmente, nos livros de J. K. Rowling. As publicações fizeram muito sucesso, dando origem a toda a saga cinematográfica.
Um dos pontos mais interessantes é perceber que foram dez anos com os mesmos artistas - salvo o primeiro ator de Alvo Percival Wulfrico Brian Dumbledore que faleceu e foi substituído - a dar vida a seus personagens. Nunca o cinema havia visto algo do gênero. Por conta disso, uma geração inteira cresceu - literalmente - junto dos seus personagens preferidos.
De uma leva recente, a saga de "Harry Potter" foi a primeira de livros juvenis a ter continuações dando força a outras como "Crepúsculo" ou "Jogos Vorazes". Foram oito filmes sobre o jovem bruxo que sobreviveu ao ataque daquele "cujo nome não pode ser pronunciado". Harry e seus amigos passam por muito percalços até chegar à grande batalha final.
Enquanto há uma certa autonomia dos filmes das sagas descritas esta semana no "Papo de Budega", o caso de Harry Potter é diferente. Para entender fatos que ocorrem nos dois últimos filmes, é realmente fundamental assistir aos longas-metragens anteriores. Também decidimos posta esta indicação na véspera do Natal, porque muitas sequências dos filmes ocorrem nesta época do ano. Clássico, cujo impacto já pode ser visto e se tornará ainda mais força daqui alguns anos.
←  Anterior Proxima  → Inicio

1 comentários:

Hikki Shinozaki disse...

Realmente, Potter Harry, marcou a vida de muita gente. Ontem eu liguei a TV e estava passando o meu favorito da saga, "A ordem da Fênix". Eu amo essa saga.