Desejo: Boas Festas...

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Curiosidades budeguísticas: teclado QWERTY

O teclado QWERTY é este que nós usados para escrever em computadores e celulares. Sua origem - na verdade - vem das já obsoletas máquinas de escrever. O layout das teclas é exatamente o mesmo - salvo pequenas alterações de modelo para cada país. Por exemplo, o "ç" existe para a língua portuguesa, mas não para outras línguas. Assim como outras versões também têm pequenas alterações, como a letra "beta" para o teclado alemão, ou o ñ para o teclado espanhol.
Grosso modo, o teclado QWERTY é padrão em todo o mundo. Porém, qual a lógica para as teclas, já que não segue a ordem alfabética ocidental? Há as mais variadas explicações na internet. Porém, a mais plausível realmente está no Wikipedia, em que "o formato adotado tinha dois objetivos: organizar as teclas aproximando os pares de letras mais usados na língua inglesa e diminuir a quantidade de possíveis travamentos das teclas da máquina de escrever."
Também há a versão do site Gizmodo Brasil, "os primeiros testes de máquinas de escrever foram feitos, de acordo com os pesquisadores Koichi Yasuoka e Motoko Yasuoka da Universidade de Kyoto, por operadores de telégrafos que receberam as teclas em disposição alfabética padrão. Quando esse formato se provou insustentável, foram feitas diversas revisões e provavelmente o QWERTY nasceu das excentricidades formadas. Em outras palavras, os datilógrafos formaram o teclado, e não o contrário."
Quem patenteou o teclado QWERTY (as primeiras teclas seguidas da segunda linha do teclado) foi Christopher Sholes em 1868, vendendo a ideia para a empresa à Remington em 1873. O mais curioso é que existem outros sistemas posteriores, como o teclado Dvorak, que nunca conseguiram desbancar o modelo atual de computadores e smartphones.
←  Anterior Proxima  → Inicio

2 comentários:

Hikki Shinozaki disse...

Ainda me sinto inconformado mas... Tá valendo kkkkkkkk

Sandra Monte disse...

Oxe...
Por quê?