Desejo: Boas Festas...

domingo, 25 de maio de 2014

Frozen (アナと雪の女王), a maior bilheteria do Japão e a crise dos animes

Queridos e amados navegantes...
Todos vocês sabem, estão carecas em saber que tenho acompanhado a bilheteria de Frozen. O desenho animado conseguiu uma façanha talvez inimaginável para a Disney: tornou-se a 5ª maior bilheteria da História, sem o alarde que a empresa fez para outros filmes como Os Vingadores e Capitão América 3. Vejo que muita gente que não curtiu tenta tirar este mérito, comentando a inflação e o IMAX. Estes elementos técnicos meio que já são contabilizados na marcação do Box Office Mojo.
Já escrevi muito sobre as razões e os motivos do êxito de Frozen (アナと雪の女王) (clique na tag abaixo). Mas, o que tem chamado a atenção é a incrível bilheteria no Japão. Por lá e segundo os dados Box Office Mojo, a animação da Disney é a maior bilheteria de todos os tempos no país. Até hoje, arrecadou 193 milhões de dólares, contra os 190 milhões de O Castelo Animado (ハウルの動く城) e os 186 milhões de Avatar.
Mas, o que tem levado tantos japoneses a verem com tanta paixão este filme? Bem, não moro em terras nipônicas, nunca fui para lá, mas já li bastante sobre o país. É possível tirar algumas conclusões, mas talvez a mais importante tenha a ver com a crise do mercado de animes por lá. E uma quase evidente crise nos filmes de heróis também.
Já faz algum tempo que tenho mencionado isso: a indústria de animes passa por uma crise grave, com histórias muitos parecidas, que beiram ou são "fanservice" ou que são simplesmente mais do mesmo. E não sou só eu quem diz isso. Até mesmo uma figura cultuada como o Hayao Miyazaki faz críticas para a atual indústria japonesa de animação.
Temos um grande número de animes fanservice, ou histórias que parecem se repetir por seguir fórmulas para lá de batidas. Está cada vez mais nítida esta crise. Talvez, por isso, Frozen (アナと雪の女王) faça tanto sucesso no Japão, porque foge da mesmice. Além disso, o país é repleto de "Elsas", que de uma forma ou outra, sofrem pelo enclausuramento cometido pelos pais. Há realmente muitas "Elsas" - sejam homens ou mulheres - que não suportam tanta pressão e acabam se suicidando (o país tem o maior índice de suicídio do mundo). Acho que o sucesso de Frozen (アナと雪の女王) em terras nipônicas tem muito a ver com a pressão que a sociedade comente com os seus jovens. E estes se identificam demais com a Elsa...
Fora isso, ao vermos a bilheteria de Capitão América 2 e O Espetacular Homem-Aranha 2, notamos que há um fato interessante, tanto lá como aqui e Estados Unidos. Há uma grande campanha de marketing em cima destes filmes de heróis. Todos comentam, mas vão ver, no máximo, uma vez só. Tanto que os produtores de "Aranha 3" se decepcionaram com a bilheteria do filme. Acharam que arrecadaria mais. "Capitão América 3", por exemplo, corre o risco de nem chegar aos 300 milhões nos EUA...
Ou seja, não importa qual o estilo do filme, o mesmo tem que conseguir alcançar a alma das pessoas. Todos estes longa-metragens de heróis não conseguem chegar na alma do seu público. São sucessos mega rápidos cujas bilheterias refletem o que as pessoas sentem. A animação "gelada", ao que parece, alcançou a alma da maioria de seu público. No final, Frozen (アナと雪の女王) tem representado a "América" muito melhor que um capitão, e tem sido mais "espetacular" que uma aranha...
←  Anterior Proxima  → Inicio

4 comentários:

Victor Hugo Carballo disse...

Excelente tirada no final. Realmente, é um país de Elsas, aonde a repressão continua forte. Além do mais, os japoneses adoram a Suíca, a Rússia, a Itália, tudo que lembre uma Europa antiga.(O Myazaki que o diga) então, Frozen é irresistível.

Cientista Louco disse...

Nossa, você falou com tanta emoção que me senti tentado a assistir Frozen. Não o vi ainda por motivos de preguiça (leia-se falta de dinheiro), mas assim que sair no Netflix irei assistir.

joser carlos Silva disse...


nossa quando terminei de ler me emocionei o jeito que o texto descreve. E real mente maravilhoso "Se está além do sol
Ou além do mar
Bem além do tempo
Sei que há um lugar
Onde eu quero ir
Onde eu quero estar
Ver a fantasia se realizar". Sem mais palavras para descrever
o quanto frozen e brilhante um filme que vou passa para gerações.

joser carlos Silva disse...

nossa quando terminei de ler me emocionei o jeito que o texto descreve. E real mente
maravilhoso Para aqueles que ama esse mundo e conheceram amigáveis companheiros essas palavras são para vocês
"Se está além do sol
Ou além do mar
Bem além do tempo
Sei que há um lugar
Onde eu quero ir
Onde eu quero estar
Ver a fantasia se realizar". Sem mais palavras para descrever
o quanto frozen e brilhante um filme que vou
passa para gerações.