Desejo: Boas Festas...

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Diabolik Lovers ディアボリックラヴァーズ só não é pior por falta de espaço...

Ao longo deste ano, o Papo de Budega apresentou diversas resenhas de animes dos mais variados estilos. Alguns bons, outros excelentes. Alguns outros sem lá muita alma. Porém, eles tinham a acrescentar de alguma forma. Contudo, esta será a primeira vez que teceremos uma resenha de um dos títulos de animação mais desprezíveis vistos até hoje por esta jornalista.
Inu to Hasami wa Tsukaiyo 犬とハサミは使いよう - um dos animes resenhados - foi um desenho animado que já apresentou lá seus problemas em seu conteúdo. Mas, nada comparado a ruindade de Diabolik Lovers ディアボリックラヴァーズ. A protagonista é frágil demais, meiga demais, suporta demais os abusos que sofre dos vampiros. Eles sugam direto o sangue dela e a garota não reage. Pelo contrário, até parece gostar. Neste ponto, lembra demais animes "hentais", só que sem o sexo explícito. Ou seja, talvez fosse melhor ver logo um anime pornográfico a ficar em insinuações de sadismo e masoquismo.
Há um excesso de situações não explicadas. Deveria ser algo com suspense, mas é tudo roteirizado de forma tão artificial, superficial... que nem dá vontade de querer entender os personagens. Os vampiros são uns "bonitões" que supostamente se vestem de forma "estilosa". Mas, se trouxermos suas roupas e seus estilos para o mundo real, veremos que todos eles se parecem com "gays afetados" sem nenhuma elegância. Não tem como ter alguma empatia com personagens que deveriam ser algo, mas transpassam um ideal totalmente oposto.
Há uma musiquinha de fundo que parece demais música de motel. Só que em situações sem o menor charme e desejo. Talvez a intenção fosse elevar a líbido do espectador. Mas, o excesso de insinuações sem fatos concretos só faz irritar quem espera por algo, que qualquer coisa aconteça. Porém, não acontece nada. Só uma "chupação" de sangue irritante, que não faz avançar o argumento. Este que, aparentemente, é quase inexistente. O argumento resume-se em 'vampiros que chupam sangue de adolescente, fim".
Percebe-se a delinquência de quem produziu este anime. É puro fanservice. Este é um dos animes em que a máxima influência negativa dos "otakus" se faz presente. Não tem uma "história", a animação é medíocre e toda a parte técnica é sem qualidade. Ficamos a pensar também o quão envergonhados os dubladores devem ter se sentido ao que interpretar um anime tão estúpido assim.
Por todos os motivos citados acima, Diabolik Lovers ディアボリックラヴァーズ entra para o rol de ser uma das piores animações que esta jornalista viu. Não apenas anime, mas animação. Vale a pena pretensos escritores, produtores e animadores verem para NUNCA fazer nada parecido com este título.
←  Anterior Proxima  → Inicio

3 comentários:

maispraladoquepraca disse...

Diabolik Lovers está no meu rol de piores animações que NUNCA VI e NUNCA VEREI! Hahaha.

Quando saiu o primeiro episódio eu vi a reação da comunidade em relação a série. Eu sempre confio na minha opinião acima de tudo e prefiro assistir para tirar as minhas próprias conclusões. Porém existe sempre uma ou outra exceção. E esse foi o caso do Diabolik Lovers. A descrição, repúdio e as explicações que a comunidade deu foram o suficiente para eu passar longe desse anime. Também ajudou nessa decisão saber em que o anime é baseado.

Ele é uma adaptação de um Otome Game (aquele jogos feito para mulheres onde o objetivo é pegar os caras), então não é nada supreendente essa baixa qualidade. Eu sou homem e obviamente não sou o público alvo desse tipo de série. Mas mesmo assim, dos que assisti, nenhum conseguiu nem mesmo chegar na categoria de "muito bom". O máximo foi "legalzinho", como no caso do Hakuouki. Ano retrasado tivemos uma frustrada adaptação de um Otome Game (chamarei de OG agora) Arcana Famiglia onde a J.C.Staff tentou "shounenzar" a série e acabou quebrando a cara.

A última adaptação desse tipo de jogo que vi foi o medianíssimo anime Amnesia, onde uma garota perde a memória e acaba presa a um ser que só ela consegue enxergar. Ela vai tentando obter a memória dela de volta, indo atrás de pistas e tentando continuar o cotidiano. Assim acaba ficando com um cara e posteriormente ela tem uma morte trágica. Então o mundo dá reset e ela vai tentando entender o que aconteceu e acaba ficando com outro cara e tendo mais uma vez uma morte trágica. E assim a série segue essa estrutura. O anime tinha potencial, mas a protagonista ameba e as amarras de ser uma adaptação de um OG estragaram bastante a série. A única coisa que gostei muito nesse anime foi o estilo dos olhos dos personagens. Deu um aspecto muito original e bonito para o character design hehehe.

Amnesia provavelmente será a última adaptação de um OG que verei. Só vou abrir uma exceção se caso aparecer algo que possa revolucionar o gênero. Com tantos mangás shoujos legais em adamento no Japão como Ore Monogatari!!, Love So Life, Akatsuki no Yona, Taiyou no Ie, Akagami no Shirayukihime e Bokura no Kiseki, eles ficam animando só essas OG caça-níqueis. Pelo menos está vindo a adaptação do Soredemo Sekai wa Utsukushii esse ano xD.

Thiago disse...

Realmente, assisti alguns episódios e é péssimo.

Dani MIwa disse...

(Um pouquinho de spoiller,só pra avisar '---')
É... Percebi que não fui só eu que achei esse anime ruim '-' literalmente...
A Yui me irritava com aquele jeitinho dela de ser. Ela poderia muito bem fugir,mas não,ficou lá,podia morrer mas ficou lá. O pior é o final,achei que pelo menos o final ia ser melhor mas ela se suícida,falando que assim não iria sofrer mais (acho que é isso ._.'),sim... Esse foi o pior anime que eu já vi até hoje '---'