Desejo: Boas Festas...

terça-feira, 26 de novembro de 2013

O Pequeno Príncipe: leitura obrigatória para a vida...

O Pequeno Príncipe é um livro que talvez não necessitasse de muitas apresentações. É daquelas obras que tem-se a obrigação de ler, ao menos uma vez na vida. Afinal, a simplicidade com que o autor coloca certos acontecimentos, coisas que acontecem em nossas vidas e não percebemos é de uma genialidade inacreditável.
A história traz um princepezinho loiro - que vem de um planeta distante - e encontra um piloto no meio do deserto. Os dois travam uma conversa muitíssimo interessante, em que o menino menciona momentos em que conheceu muitas figuras curiosas em suas viagens.
São nas histórias do pequeno príncipe viajante que temos importantes lições de vida. O que chega a ser fabuloso, pois a obra é tanto para crianças como para adultos. As primeiras veem a história de uma maneira que, certamente, muda quando crescem. Talvez, porque certas circunstâncias só têm sentido depois de se viver um pouco mais.
Tanto os fatos, como algumas frases fazem um sentido gigantesco depois de uma certa idade. Cada pessoa, ao ler O Pequeno Príncipe, tem uma frase que impacta de alguma forma em seu coração. Para esta resenhista, duas são as mais verdadeiras: "tu és responsável por aquilo que tu cativas", e a mais clara e filosófica de todas: "O essencial é invisível aos olhos".
Este título escrito pelo francês Antoine de Saint-Exupéry já ganhou diversas adaptações. Desde filmes, desenho animado recente em computação gráfica e, inclusive, um anime. Porém, nenhuma de suas adaptações conseguem transcender o que a obra realmente é. Vale lembrar as ilustrações também foram feitos pelo autor. E, a editora que o lança no Brasil é a AGIR, já por muitas décadas. Leitura obrigatória para a vida.
←  Anterior Proxima  → Inicio

4 comentários:

Fellipe Kajelani disse...

"Tu és responsável por aquilo que cativas", definitivamente a mais marcante para mim!
Essa é uma obra que deveria constar nas listas de todas as pessoas, não naquelas listas de "leitura obrigatória", mas de "leitura indispensável".
Eu conheci e comecei a amar a leitura por esta obra, então ela terá sempre um lugar especial para mim.
E o anime era bonito, adorava assisti-lo. Essa nova versão em computação não me cativou tanto, mas também não é ruim.
Uma ótima recomendação!

Bruno Makabro disse...

Definitivamente um dos melhores livro da humanidade, nem parece ter mais de 60 anos.
A conversa que o autor tem com o leitor no fim é emocionante.

Tive a sorte de ler essa obra num momento de muita fraqueza e se hoje ainda estou vivo é devido a essa obra de Antoine, leio algumas vezes por ano e sempre tenho aos montes em casa pra presentear crianças (parentes ou não), pois, deste minha primeira leitura um pensamento fixo que tenho é que eu seria (ou teria começado mais cedo a ser) um ser humano melhor se tivesse lido o livro quando criança.

Natália Maria disse...

Eu li esse livro pela primeira vez em 2008, após a Bienal do Livro daquele ano. E infelizmente, não sei aonde enfiei meu exemplar (que era de bolso).

Preciso urgentemente comprar outra (a edição normal) e relê-lo. Minha mãe já disse que sempre temos uma visão diferente ao lê-lo, dependendo da nossa idade. E preciso fazer isso novamente.

E concordo com você. O Pequeno Príncipe é uma leitura obrigatória.

Victor Martins (desabadevaneios.blogspot) disse...

Bom ainda não li esse livro.Curiosidade tenho,e já ouvi muito falar que é uma história clássica.Com certeza ainda haverá espaço para ele na minha bagagem.Por enquanto tenho cerca de 4 livros na fila de espera.