Desejo: Boas Festas...

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Saint Seiya: Lost Canvas (聖闘士星矢 THE LOST CANVAS 冥王神話) , um pequeno momento de fúria...

Queridos navegantes,
Semanas atrás fiz um post sobre Saint Seiya: Lost Canvas (聖闘士星矢 THE LOST CANVAS 冥王神話). Naquela ocasião, eu tinha visto a primeira temporada que saiu em DVD no Brasil. Pois bem... Agora falarei dos episódios do segundo box lançado recentemente pela Flashstar. Só uma coisa a dizer: excelente. Não é preciosismo e nem exagero. A qualidade da imagem está muito boa.
Fora que a dublagem de Lost Canvas tornou-se um show a parte. Os dubladores dos cavaleiros de ouro são - em sua maioria - do Rio de Janeiro. Isso acabou dando um charme especial a muitos personagens, porque carioca tem aquele jeito único de falar, com alguns "s" puxados. Talvez o dourado que melhor fora dublado é o Manigold. Alexandre Moreno dá um baile com este personagem. O cavaleiro de Câncer já é carismático por si só, com o tom totalmente debochado do Moreno ficou ainda melhor.
O pessoal se queixa do preço porque disco é baratinho e, que por isso,  não vale a pena comprar porque o distribuidor "mete a faca". Só que a mesma galera que só quer ver na net - e dublado ainda por cima - se esquece que a empresa mandou dublar. E dublagem é algo relativamente caro. Ou seja, R$ 59,90 em um lançamento não é um preço absurdo. Até concordo que poderia ser mais barato, mas de graça como o povo quer - igual aos DVDs da "25 de maarço",  isso é de uma imbecilidade sem tamanho.
Se for para ver de graça, ao menos poderiam ver com legenda de fansubber. Agora, procurar uma versão dublada na net é muita sacanagem. Inclusive, sacanagem também de quem compartilha o material dublado. Pois, a pessoa não dá valor nem ao próprio dinheiro que gastou. Isso não tem a ver com ser camarada. Tem a ver com ferrar o mercado. Bom seria se o pessoal não colocasse a versão dublada na rede. Mas, é pedir para matador não matar...
Enfim... tirando este momento de revolva aguda... Esta leva de episódios de Lost Canvas está muito boa, especialmente pela presença forte do cavaleiro de Câncer e do mestre dele. Há quem goste do El Cid, o dourado de Capricórnio, mas eu o achei meio mala. Ele é um personagem sério sem carisma. Ao menos até onde os DVDs chegaram.
Albafica (Peixes) e Asmita (Vergem) são sérios e carismáticos. Enfim, um gosto bem pessoal mesmo. Ah sim, as músicas instrumentais de Kaoru Wada 和田 薫 continuam parecidas com as de InuYasha, porém, um pouco menos. Vai ver disseram para ele que as notas estavam semelhantes demais com a trilha sonora do meio-youkai.
Mesmo que a série esteja incompleta em relação ao mangá, vale a pena pela história. Pela a produção primorosa, que os produtores não tiveram pena em animar várias cenas. Sim, porque um vício atual nos animes é ter muita cena "parada". Já existia isso, mas está cada vez mais acentuado. E, vale muito pela excelente dublagem nacional, com a inclusão dos artistas cariocas entre os cavaleiros de ouro. Por hora, é isso. Agora, é aguardar a última leva de DVDs. E apreciar a aparição de Kardia e Degel.
←  Anterior Proxima  → Inicio

6 comentários:

Anônimo disse...

Realmente sua crítica é algo que bater palmas. Você publicou o que sempre falo pros meus amigos fazerem, pois de graça todos gostam, mas quando chega na hora de comprar os produtos licenciados em seu país, os "fãs" sempre alegam algo pra não comprar, uma hora é a dublagem, outra hora é a tradução e por aí vai. E tem pior...dizem que as empresas só dão destaque e valor aos produtos dos Cavaleiros do Zodíaco, mas o que eles não enxergam é que nós, os fãs de CdZ, brigamos muitos pra colocar a série no patamar que ela é no Brasil. Se nós brigamos e ganhamos, porque os fãs de outros animes/mangás/comics/hq's etc não fazem o mesmo?
Thiago LoneWolf

Patrick Raymundo disse...

Falou tudo, Sandrinha! Também acho que fã, que gosta e admira o trabalho, vai sempre comprar os produtos oficiais. E Lost Canvas está muito legal. O acabamento da caixa lembra um livro com várias páginas, o DVD está bonito e a dublagem excelente. Nem preciso dizer sobre a qualidade da animação em si. É ótima! Comprei e estou recomendando. Pode ser que alguém diga que falta isso, ou aquilo, mas eu considerei o trabalho, como um todo, muito bom e vou comprar a próxima caixa.

Ainda torcendo para a TMS retornar a série, afinal, Lost Canvas merecia um final.

Victor Silva disse...

Pois é como somos ingratos...!!!Não é só porque estamos na era digital que temos que ter tudo de graça né???Sabemos que agora as pessoas querem tudo nas mãos o mais rapido possivel...aquele imediatismo conhecido do momento...Mas precisamos continuar firmando nosso orgulho pela nossa dublagem,e pelo nosso material,se não ficamos sem nada no mercado brasileiro!!!

Old_Nash disse...

Esse pessoal que compartilha o anime dublado, é o mesmo que depois pedem para as distribuidoras lançarem aqui outros que desejam.

Mas como acham que a dublagem é "ruim", lançam na rede sem um pingo de remorso...
Sem saber o quanto é trabalhoso e caro conseguir os direitos para a dublagem e lançamento por aqui.

Sinceramente, otaku de hoje deveria se chamar "otacu", pois são pessoas que não tem um pingo de amor pela arte e não dão tostão para as distribuidoras, ou enviam e-mails exigindo a qualidade em seus produtos lançados aqui.
São um bando de comodados que depois xingam em eventos e ainda aliciam (sim aliciam) as cosplayers femininas.

Uma vergonha dessa geração atual.

Nekomimi disse...

Oi, Sandra:
Eu sei que o que vou postar aqui não têm nada a ver com o seu artigo, mas é algo que você provavelmente não viu (e que, certamente, você vai gostar):
Nada mais, nada menos do que...uma entrevista dada por Rumiko Takahashi, comentando os seus 35 anos de carreira como mangaká. Nessa entrevista, ela conta muitas coisas que os fãs daqui não sabiam sobre suas obras, o modo como ela cria as suas histórias, entre outras coisas que, só lendo a entrevista (traduzida da Comic Natalie, por Fabio Sakuda):
http://genkidama.com.br/xil/35-anos-de-carreira-de-rumiko-takahashi-em-entrevista/
Espero que goste, assim como eu gostei, da entrevista dada pela grande mestra dos mangás, cá entre nós.

L.Karina disse...

Parece muito bom esse anime.Depois vou tentar encontrar aqui em João Pessoa ou pela a internet mesmo.Eu já comentei isso com você, mas essa mentalidade que agora se instalou no Brasil de querer tudo de graça ou bancado pelo governo é terrível daqui a pouco ninguém que investir aqui.