Desejo: Boas Festas...

sábado, 23 de junho de 2012

E Lula aperta a mão de Maluf e não de Erundina...


Foto é de Rodrigo Coca
18.jun.2012/Fotoarena/​Folhapress, deste link
Navegantes...
Esta semana, tivemos o desprazer de ver a foto acima. Ao longo dos anos em minha vida tive muitas decepções no âmbito político-partidário. Eu não deveria, mas houve uma época que eu acredita em partidos e em pessoas. Votei no senhor Lula e acreditava que ele era alguém com alguma integridade.
Porém, o tempo passou , ele saiu da presidência e o tempo tem nos mostrado que o objetivo é manter-se no poder pelo poder. Não importa o preço, não importa os objetivos. E olha... quem disse algo do tipo foi o vereador Antonio Donato (PT), coordenador da campanha de Fernando Haddad, neste link da Folha Online: "Quem está no jogo precisa jogar o jogo que existe, não o de um mundo ideal que não existe."
Ou seja, todo o blablablá ideológico que o "Partido dos Trabalhadores" sempre pregou perdeu para o "jogar o jogo". É o que está valendo agora. Percebem que a direita sempre teve seus conchavos, mas tinha um discurso próximo de suas atitudes? E que, a dita esquerda, tem um discurso mas atitudes diferentes? Fala uma coisa e faz outra? Isso sinceramente me decepciona, porque mostra-nos que não há diferenças na política brasileira.
Talvez, só mesmo Luiza Erundina seja diferente mesmo. Votei nela, pois acredito que a mesma ainda tem coerência em suas atitudes. E ela nos mostrou esta semana que ainda tem... Lamentável que Lula apertou a mão de Maluf e não de Erundina. Lamentável que muitos como eu viu a foto acima com total decepção. E será curioso o PT criticar a gestão Kassab, sendo que no início deste ano queria o apoio do cara... Faz sentido? Não... Estamos vivendo o 1984 de George Orwell em que o que importa é o poder. E só. Esta semana, com esta foto, tivemos uma prova disso.
E que Deus nos preteja nestas eleições, pois, só ele mesmo...

Tarefas e mais tarefas a fazer...

Navegantes,
Peço desculpas pelo sumiço destes últimos dias. Além da falta de notícias no universo animado, ocupações pessoas fizeram-me sumir aqui no site. Estive presente no Facebook e no Twitter... Só para constar... Parte de minhas ocupações pessoais dá-se pelos trabalhos da pós e algumas "arrumassões" pessoais para minha viagem! Sim... uh-hu! Estou em férias! Bem legal!!!
Mais tarde, farei um post acerca da pouca vergonha que aconteceu esta semana na política paulista. Acho que vocês já imaginam o que seja... E... só para constar novamente...
Quem ainda não assistiu, vá ver Madagascar 3. Ontem revi e realmente o desenho é muito bom! Se não fosse a presença de Valente, bem que poderia ganhar o Oscar. Por sinal... Valente parece Como Treinar o Seu Dragão, ao menos em um dos trailers mais recentes. Não me pareceu tão revolucionário como pensei!
Enfim, por hora é isso! Um super abraço!

quarta-feira, 13 de junho de 2012

ANIMA INFO 1538 - Especial

ATUALIZAÇÃO, dia 14/06/2012 às 16h55. Acréscimo da apresentação em vídeo.
Editora JBC e os rumos dos mercados de mangás e animes no Brasil


Nesta terça-feira, a editora JBC promoveu uma coletiva. O objetivo da empresa, aparentemente, foi de manter uma aproximação e uma relação amigável com blogueiros e jornalistas. Neste artigo, teceremos alguns comentários e percepções acerca deste encontro.
Em verdade, este talvez seja o termo ideal: encontro. Apesar da editora ter enviado um e-mail com o termo "coletiva de imprensa", a mesma "liberou" a informação no Twitter para as pessoas que quisessem ir. O fato é curioso, pois uma das perguntas do Video Quest foi sobre a questão da divulgação do material. Apesar da seriedade da resposta - de ter canais de divulgação adequados e não somente Facebook - , ao menos na questão de "coletiva de imprensa" a JBC parece ainda não ter entendido o que exatamente é o termo, já que qualquer pessoa poderia participar do encontro. Aqui já fica uma sutil diferença em relação a Panini, que deixa claro o que é para imprensa e o que é para público.
Passada a questão da terminologia, vamos a outros pontos da apresentação. Quem estava presente e, eventualmente, leu este post do site Mais de Oito Mil pode ter achado que houve uma certa "profecia" no texto. Em verdade, praticamente tudo o que foi dito pelo Mais de Oito Mil ocorreu. Ou seja, nada. Foi uma hora e meia de uma apresentação chata que se arrastou. Os dois pontos, inicialmente, mais importantes foram sobre Crunchyroll e o lançamento de RG Veda.
A editora admitiu que houve uma certa "pressa" no anúncio da parceria com o site de vídeos em streaming e por hora, não há nada muito concreto da parceria da JBC com o Crunchyroll. Já RG Veda é certo e deve ser lançado ainda este ano. Também houve alguns anúncios em relação a gramatura do papel dos mangás.
Até aí, pareceu tudo muito normal, mas cabe aqui algumas ressalvas. No momento, há uma "vontade" de mudança dentro da empresa, não pela figura de Cassius Medauar. Mas, pela figura de Leo Lopes, gerente de comunicação que está há um ano na JBC e que deve ter em mente "coisas novas". Aparentemente e finalmente, uma "aceitação" por parte da companhia que mangá não pode ser algo de "nicho".
De uma segunda pergunta do Video Quest, foi possível emendarmos uma nossa, cuja resposta pode ser, finalmente, o diferencial que talvez a JBC tanto precise. A empresa dará mais atenção a questão do licenciamento e houve uma "promessa" de aprendizado deste setor. Tanto  que é dela a representação no Brasil do anime A Princesa e o Cavaleiro, que será lançado em breve em DVD.
Houve uma certa demora de percepção deste fato, que o site Papo de Budega vem mencionando já algum tempo em posts como Momento provocativo no mercado de mangás e animes, no mais importante: Licensing Brasil Meeting 2011, em E o mercado de mangás e animes, um puxão de orelha... e também em Mercado de animes no Brasil, desinteresse das empresas. Que as companhias de mangás e animes devem se fazer presentes no mercado brasileiro e mostrar as possibilidades de lucros que marcas oriundas do Japão podem trazer.
Caso a JBC realmente invista em aprendizado no setor de licenciamento, há possibilidades positivas para o futuro tanto da companhia como do mercado. Pensar em mangá e anime em escala próxima da massa para os próximos dois anos é algo complicado, porém não impossível. Há uma predisposição do mercado e do público em continuar seu "olhar" para os heróis, devido aos lançamentos de Marvel e DC tanto em HQs como nos cinemas. Mas tudo, claro, é uma questão de como trabalhar um título e um produto.
Não bastasse isso, há comentários nos bastidores de mudanças internas na estrutura da Panini, que pretende dar mais atenção ao setor de quadrinhos reforçando esta área. Além, por fim, do possível retorno de uma gigante ao mercado de mangás. Ou seja, com tudo isso, a JBC precisa e deve se reformular não como uma empresa "familiar", mas como uma companhia de mercado. Que as mudanças almejadas e ditas nesta  apresentação possam trazer benefícios ao apreciadores de mangás e também animes em um futuro próximo.

ANIMA INFO 1537

Os Vingadores e Club Penguin juntos


A Marvelmania vai chegar nesta quinta-feira à ilha do Club Penguin, o maior mundo virtual para crianças e adolescentes. Os pinguins esperam ansiosos a chegada da festa Marvel Batalha de super-heróis. Um meteorito caiu na ilha do Club Penguin e o perigoso robô Aniquilador voltou à ativa. Para enfrentá-lo, os jogadores poderão escolher entre as 14 roupas de super-heróis ou supervilões da Marvel, incluindo os famosos personagens de Os Vingadores: Homem de Ferro, Capitão América, Hulk, Thor e até mesmo Loki, o supervilão.
"Unir esses dois mundos é um marco inédito para a Marvel e para o Club Penguin", comentou Rob Steffens, vice-presidente da Marvel Entertainment. "A reação dos fãs foi extraordinária e estamos muito satisfeitos por termos unido a Marvel e o Club Penguin neste evento tão épico."
Durante a festa Marvel Batalha de Super-Heróis, os jogadores poderão: se vestir com as roupas de Super-Heróis e Supervilões da Marvel, ou como civis. Explorar a ilha, totalmente transformada e repleta de novas áreas, como um banco, uma cadeia e o QG de super-heróis. Unir forças para defender ou derrotar o malvado Aniquilador. Conhecer a Tia Arctic, repórter e editora-chefe do Club Penguin News, jornal da ilha do Club Penguin. Ela irá observar de perto toda a ação entre os super-heróis e supervilões pela ilha.
É necessário entrar no site do Club Penguin e ver como ficou a união do game mais conhecido da Disney com o maior sucesso cinematográfico da empresa na História do cinema.

segunda-feira, 11 de junho de 2012

"Por que não me ufano"? Já leu "Jornalismo Cultural"?


Queridos navegantes,
Estes últimos dias houve uma falta de notícias legais. Certo... houve uma coisa ou outra divulgada pela grande imprensa. Mas, nada que eu escrevesse acrescentaria alguma algo a vocês. Por hora, terminei de ler o livro Jornalismo Cultural de Daniel Piza. Interessante, apesar de ser um tanto desanimador. Por quê?
Porque traz-nos - aos jornalistas - um sentimento de "o que estou fazendo aqui"? Bem, de minha parte, ao menos, tento fazer o que é de interesse dos meus leitores, e não (mais) de empresas ou organizações. Tapar o Sol com a peneira ou "fantasiar" enchendo a cabeça de todos de esperanças? Não... acho que passei desta fase.
Acredito que é um livro interessante para todos os blogueiros jornalistas e não jornalistas. Porque muita gente tem cometido os desatinos que o saudoso Piza comenta nesta publicação. Afinal, como diria ele: porque não dá para nos "ufanarmos" neste meio tão cheio de probleminhas, seja de comportamentos, atitudes ou linguagem escrita... Enfim... Vale a pena. Quem sabe eu não coloque online a resenha que fiz sobre esta obra...

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Madagascar 3 vale a pena?


Navegantes,
Eu ia fazer um artigo "normal", com cara de artigo e tal quando assisti a Madagascar 3 na cabine. Estava tudo meio que preparadinho... Mas, faltou tempo para os detalhes - o mais importante no final...
Enfim... algumas pessoas sabem o quanto eu tinha minhas restrições para com o primeiro Madagascar. Eu achei uma animação enjoada com suas piadas de duplo sentido. Sério... eu as achava muito sem graça e beiravam o mau gosto. Contudo...
Este terceiro Madagascar conseguiu, finalmente, fugir destas piadas ridículas e se tornou uma ótima animação. Tanto pelo roteiro simpático, quando pelo desenho dos personagens, música e produção mesmo. É muito bem feito. Também tenho lá minhas restrições com 3D, mas este longa-metragem vale a pena assistir neste formato!
A Dreamworks, quando quer, faz trabalhos maravilhosos como este ou Como Treinar o Seu Dragão. Os caras só têm que acabar com a "síndrome" de superioridade da Pixar... Como? Com boas histórias e técnica excelente. Dúvida? Então vá e veja, oras!!!

segunda-feira, 4 de junho de 2012

Povo brasileiro: ainda há esperança!!!!


Navegantes,
Tenho que admitir que, às vezes... só um pouquinho, dá para ter esperança no povo brasileiro. Este vídeo nos mostra que, com um minimozinho de consciência, ainda há esperança nesta gente...
E eu vi este vídeo dias atrás no Facebook. Não lembro quem o postou...
←  Anterior Proxima  → Inicio