Desejo: Boas Festas...

domingo, 13 de maio de 2012

Só breves comentários de "Os Vingadores"

Navegantes,
Achei mais conveniente deixar a poeira da euforia do lançamento passar para falar de Os Vingadores (Avangers). Não há muito o que dizer: o filme é muito bom, tem um roteiro bem amarrado e prende até o final. Os atores são gatíssimos, um verdadeiro colírio para o público feminino.
Como bilheteria, bateu todos os recordes. E, já até bateu a marca de um bilhão no mundo. Tem gás para conseguir mais? Possivelmente tem. Será batido pelo novo Batman? Bem, isso não sei, o segundo tem que ser extraordinariamente bom. Caso não seja, em bilheteria, "Os Vingadores" provavelmente será o filme do ano. E com um diferencial: estreou fora da época das férias...
Mas, há um fato bem curioso: o número de "otakus" que falaram, adoram e idolatraram o filme. Olha... foi muita gente. Daí, fica uma pequena curiosidade da minha parte: a galera esqueceu que é "comics"? "Os Vingadores" nos mostrou o que realmente falta ao mundo dos animes. Organização... Planejamento... Só isso. E claro, uma ótima obra!
←  Anterior Proxima  → Inicio

4 comentários:

Diogo Aires (Dood) disse...

Ainda não vi... Tenho que arrumar tempo.

Anônimo disse...

Nossa, nada a ver o final do seu comentário, nem sei porque perdi meu tempo lendo, na boa.

JefRuizu disse...

Eu assiti o filme e gostei bastante. Não é que só por que eu gosto de anime e mangá que vou deixar de ler comics, ver cartoons ou assistir filmes baseados em comics ou cartoons que me agradam e "Os Vingadores", para mim, valeu o preço do ingresso.

Ah, Sandra, gostei do seu post, bem resumido e direto.

Anônimo disse...

Deixando de lado os aspectos fúteis sobre os gatissimos, eu gosto de ver a mensagem que o filme passa. Uma coisa importante é sobre os chefões dos chefões, os donos do mundo, que estão lá atrás decidindo qual são os rumos do mundo. Aqueles que anseiam pela ordem e pelo poder em si e estão determinados a usar a bomba nuclear pra manter a ordem e continuar com o poder. Quando os anseios deles são ameaçados por alguém, eles estão decididos a lançar uma bomba nuclear pra matar as ameaças, sem se importar com os civis que estiverem no caminho. Outra coisa interessante é que o filme reforça a necessidade de termos bombas nucleares para termos a defesa necessária para um possível invasão alienígena. Querem nos passar que isso é um mal necessário para nossa própria sobrevivência e que devemos ser a favor da pesquisa e do armazenamento dessas armas. Essas mensagens parecem inofensivas, porque afinal é só um filme de ficção, mas as mensagens são sutis e em toda ficção tem um pouco de realidade. O filme é muito bom mesmo, aquela velha mistura de ficção, ação e humor... deu certo.