Desejo: Boas Festas...

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Um momento utópico...

Navegantes,
Em verdade, o que direi é algo mais para desabafo. Algo que eu gostaria que acontecesse a partir de 2012, mas sei que será praticamente impossível. São coisas aparentemente bobas, mas que dependem de mudanças de pensamento e comportamento na sociedade... Mudanças que deveriam acontecer na célula básica da sociedade: a família. Ou na segunda "célula", a escola.
Anos atrás, havia uma disciplina chamada educação moral e cívica. Não, navegantes... Não seria para deixar as pessoas "bobonas", que pedem pela retirada de uma propaganda ou coisas assim. Mas, seria para ensinar o que as pessoas não têm aprendido em casa.
Coisas como não jogar lixo no chão, andar a direita, ouvir seu som baixo (tipo walkman), atravessar na faixa, respeitar os sinais, deficientes, ler corretamente instruções... Sabe, coisas básicas que as pessoas não aprendem. Ou não sabem...
As que não querem... bem, estas não têm como mudar.
Só para se ter ideia, pessoas "se perdem" pelo simples fato de não saber interpretar indicativos de esquerda-direita. As pessoas sofrem com enchentes por jogarem lixo na rua. E depois, jogam a culpa SÓ nos governos. Se não se aprende mais estas coisas em casa, quiçá, ao menos na escola..
Estamos vivendo um momento em que ninguém respeita ninguém. Seria tão bom se houvesse respeito. Ando muito e ouço muito. E o que percebo é que as pessoas têm filhos e não sabem educar. Ou deixam "livres" demais, ou "protegem" demais. Daí vemos as aberrações que citei acima. Fora isso, os pais que deveriam dar o exemplo, veem seus filhos - jogando lixo na rua, por exemplo - e nada dizem. E ainda são capazes de brigar com que for reclamar.
Ou seja, total inversão de valores. Por isso, sou a favor de que a disciplina educação moral e cívica voltasse. Que a escola, ao menos, pudesse indicar possibilidades positivas as crianças, coisa que os pais não têm feito... Para 2012, eu gostaria de uma única coisa, algo utópico: R E S P E I T O. Ou que, aos poucos, as pessoas percebessem seus erros em convivência em grupo.

←  Anterior Proxima  → Inicio

3 comentários:

Kursch disse...

É, mas não tem formula mágica pra criar filhos, né?
De resto concordo.

Anônimo disse...

É isso aí Sandrinha! Parece ser utopia mesmo, mas não devemos perder as ESPERANÇAS. Ou tudo, realmente estará perdido.
Que Deus nos dê forças nossas vidas.
Beijos.
Por Francisco Ronaldo.

ShadowBlad disse...

Concordo plenamente Sandra,essa disciplina fez e faz muita falta nas escolas.Muitas vezes os pais não educam direitos seus filhos,justamente por não terem recebido uma boa educação.
Além de aprender cidadania e o básico dos valores morais,os educandos aprenderiam a dar mais valor a escola,o que é crucial para o desenvolvimento social do país,que se encontra neste estado justamente pela educação de péssima qualidade.