Desejo: Boas Festas...

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Cavaleiros do Zodíaco na Band: não adianta bravo comigo...

Navegantes,
Estes dias, houve quem tenha ficado bravo, com raiva de mim por conta de meus comentários acerca da exibição de Cavaleiros do Zodíaco na Band. E também pela minha postura em relação aos animes da TV brasileira em geral. O texto abaixo, escrevi lá no post do JBox News.

Não sou contra a exibição de nenhum anime na TV, seja aberta ou fechada. Só que não sou somente fã. Tento ver os pontos positivos e negativos referentes às exibições dos animes. Não sou eu quem diz, é o próprio mercado que mostrou que a fórmula da Disney dá certo. As pessoas gostem ou não desta fórmula… ela dá certo. Vende!
O que acontece no Brasil é muito assintomático… Nossa classificação indicativa é “pesada” e não adianta reclamar, pois há grupos na sociedade que apoiaram a classificação. E há grupos na sociedade, vide religiosos diversos, que detonariam Sailor Moon devido ao caráter homossexual.
É tão óbvio! Ou vocês não conhecem a sociedade em que vivem?
Eu gostaria que vários animes passassem em nossas TVs. Mas, não podem porque são “violentos”, ou simplesmente não têm representantes no país. Quer um título que talvez desse certo por aqui? K-On. Tem representante? Não…
Não adianta ficar bravo comigo ou com a Disney, oras... O conjunto do todo é que não ajuda no contexto dos animes por aqui… E olha, quando eventualmente o fã tem que dar a cara e apoiar os animes, apoia? Diga-me, os fãs apoiam?
Por que o canal Animax mudou sua linha de atuação? Tinha audiência? Não. Logo, muda para melhorar a audiência. Se você é empresário, é assim que você pensa. Está errado? Sinceramente, eu acho que não. Não é a minha grana que está em jogo, não é a sua… é deles. Se a coisa dá prejuízo, acaba. Simples assim.
Se meu realismo incomoda, então vou continuar incomodando. Afinal , se ninguém apontar onde estão os erros, de uma forma consciente e não emocionada, como alguma empresa pode ver o que pode ser feito de bom?

É por isso que bato na tecla: a net é vista como vilã por causa dos fansubbers. Só que até agora, nenhuma empresa de anime no Brasil se utilizou dos recursos que a net oferece. E olha, já somos 73 milhões de usuários da rede…
Por que a Toei, por exemplo, não pega a primeira temporada de Sailor Moon, cria um site e coloca os episódios online. Daria para ver quantos acessos teria e medir o mercado online. E olha, na minha opinião, teriam uma grande surpresa. Para pensar...


←  Anterior Proxima  → Inicio

4 comentários:

Dood! disse...

Sandra.

Eu concordo em muitos pontos contigo, mas quanto a disponibilzar episódios na internet acho que nem todos poderiam ter acesso. Enfim, como você mesmo disse: se uma fórmula de seriado, desenho ou filme dá certo é obvio que se invista nisso. Afinal, as tvs vivem de merchan. O pessoal não se liga nessa questão.

Dood !

esconderijodokoi.blogspot.com

Othon Pereira de Noroes disse...

Infelizmente Televisão Brasileira está lixo.....

John's Chronicles disse...

Concordo plenamente como q vc disse. Tb defendo o lançamento de séries curtas ou longas (clássicas) em DVD para suprir carência de mercado.

Evangelion
Rayearth
Fullmetal Alchemist Brotherhood

Poderiam ter uma tiragem limitada pra aquecer o mercado. Mas depois da merda a a FOcus fez com a primeira série de Fulletal, duvido q saia a segunda p/ aqui.

Sobre o caso Sailor Moon, acho q deveriam lançar em DVD a primeira temporada dividida em 2 volumes. Nada de fazerem o q a Playarte fez com Dragon Ball. Poderiam lançar tb Sakura e Samurai X. Acho q teria gente comprando. Eu compraria feliz da vida.

Sinceramente, duvido q cavaleiros vai dar certo na TV aberta de novo. Hoje os tempos são outros e como vc mesma falou, com a grnade venda dos DVDs, ninguém vai querer assistir cavaleiros cortado na Band se tem o DVD em casa. Eu tenho a saga de Hades e nunca assistiria na TV. Pelo simples fato de q hj sou adulto e trabalho, ñ tenho horário pra poder acompanhar a série.

John's Chronicles disse...

Sobre a exibiáo de Sailor Moon na internet eu acho q seria interessante. O site poderia já anunciar os produtos licenciados. O q poderia aumentar as vendas e ñ seria tão caro quanto veicular tais anuncios na TV.
Fora q a possibilidade de poder assitir na hora q quiser seria um trunfo. É só investir numa dublagem de qualidade e botar pra quebrar.
Aí guardam o som original pra quem for comprar o DVD. EU EU EU!!!!