Desejo: Boas Festas...

sábado, 8 de maio de 2010

Mude para a concorrência na hora de Blue Dragon...

Navegantes,
Depois de ler esta informação no JBox News, pergunto a vocês: será que vale a pena lutar por certas coisas? Ler um diretor de alto escalão achar que não há problema algum com uma dublagem como a de Blue Dragon é desanimador. Você percebe porque certas coisas em uma emissora são do jeito que são. No caso do SBT, o canal só sobrevive mesmo graças ao gênio de Sílvio Santos. O restante, talvez nem saiba o que está fazendo ali...
Por conta disso, pela primeira vez na vida, repensei algumas coisas acerca de tudo o que já mencionei aqui no Papo de Budega. Sempre fui a favor do respeito pelas empresas, pelos autores e contra a pirataria. Mas, quando você é desrespeitado como TODOS os espectadores foram pelo SBT e pela Viz Media, só há uma coisa a pensar. Estas companhias não merecerem respeito. Ver que muitas empresas pedem para que os fãs não consumam produtos piratas vai por água abaixo quando o que acorreu com Blue Dragon se mostra forte.
Só posso dizer aos fãs e telespectadores: neste momento, o mínimo que cada um pode fazer é não assistir a Blue Dragon no SBT. Não vejam! Peguem links e repassem as várias versões que existem na net. Procurem em fansubers e repassem aos amigos e ao máximo de pessoas possíveis. Mas, não vejam no SBT. Isso é desrespeito, é pirataria? É. Mas, como eu disse, não houve respeito. Não houve consideração. Não dê audiência a esta aberração. Isso é o mínimo, talvez, a única coisa que se possa fazer... Há empresas que merecem respeito, outras não merecem nenhum... Não ligue o televisor, ou se ligar, mude para a concorrência na hora de Blue Dragon.
Ah, e vale dar uma lida no Mais de Oito Mil. É bem provável que as coisas tenham ocorrido daquele jeito...

←  Anterior Proxima  → Inicio

7 comentários:

Felipe Nascimento disse...

Bom, eu já não assisto desde os primeiros 30 segundos, que foram o suficiente para que eu nunca mais tivesse coragem de ligar a TV no SBT quando é hora de Blue Dragon.

Resolvi dar um voto de confiança e abri o Mais de Oito Mil... é, finalmente um post bom lá (não que eu vá voltar lá depois de hoje XD)... quer dizer, um post que não parece lavação de roupa suja, rs.

Blue Dragon é o tipo de anime que eu só veria se estivesse ali, bem fácil sendo transmitido na TV, nada de preocupação com tempos de espera do MegaUpload ou ratio de torrent.

Mas, diante da situação... simplesmente não verei! Assim como fiz com Naruto.

sandra monte disse...

Ajude a divulgar moço:
Mude para a concorrência na hora de Blue Dragon. Não nos respeitam, não há pq dar audiência. @SBTonline


Sandra Monte

Patrick (Matu) disse...

Eu vi esse comentário infeliz, e não verei mais esse animê por lá. E mesmo que quisesse, não o veria porque a dublagem está pior que a do Soul Hunter (Locomotion). Não dá para assistir nem que queira. O que se poderia ser feito é enviar por e-mail, a esse diretor, os links para todos os comentários sobre o assunto. Viz Media e 4Kids são os horrores do ramo. Deveria ser feito um alerta para os japonesas não venderem produtos para essas empresas. Só estragam o material. Incrível!

Eduardo disse...

Nem de programação os executivos do SBT andam entendendo, quanto mais de dublagem de desenho. Eu não sei nem se as reclamações chegaram no ouvido da Daniela Beyruti, já que ela sim provavelmente iria tomar alguma providência. Ela é uma das poucas que se salva nesse meio de incompetentes do SBT.

E a culpa maior disso tudo foi da VIZ e a maior prejudicada disso tudo será a VIZ. Simples assim.

Pelos números da 1ª semana, Blue Dragon não emplacou. O SBT tem vários outros desenhos pra colocar no lugar de Blue Dragon. Os fãs podem assistir via fansubers. E a Viz Media? Com esse tipo de atitude, corre o risco de fechar uma das poucas portas que se abre para os animes.

E outra coisa: Até as crianças, público alvo de Blue Dragon e do Bom Dia e Cia, já estão reclamando. Muitas já vieram me reclamar da dublagem, principalmente da voz do protagonista. E eu que pensei que as crianças não fossem ligar para isso. Engano meu ... Até elas estão espertas contra certos atos de desrespeito.

Ale disse...

Discordo completamente sobre tal campanha.

Realmente a Dublagem não é boa, isto é fato, porém só de ouvir vozes diferente é grandioso é bacana, muda um pouco aquela coisa de novo essa voz.

Qual o maior problema hoje na dublagem brasileira, não existe reciclagem de vozes infelizmente.

O Dublador faz 20 desenhos, mais filmes mais seriado mais tudo, tem um momento que fica irritante.

Acho que o anime veio para dar uma apunhalada sim e deixar que novos dubladores entrem na cena e não 6 dúzia fazendo um trabalho.

Depois dos grandes dubladores dos anos 70 e 80 houve pouquíssima evolução.

Não vou trocar de canal, Irei Assistir, pois o fato de ter algo novo na TV é bacana, além disso pelo menos o SBT está exibindo.

E a REDETV que já limou Digimon Pokemon e outros via Parabólica.

Doe a quem Doer, mas o SBT viu que uma dublagem mesmo no exterior muda um pouco o clima das mesma vozes repitidas por vários longos anos.

E que venha essa dublagem do exterior e acordem os estúdios e os brasileiros que querem ser dubladores a dar espaço.

Não mude de canal fique e assista comente divulgue, está abrindo os olhos dos Estúdios a chamarem novos profissionais.

tony disse...

Se bobear esse diretor executivo deve ter ouvido o boato de que a dublagem não agradou, e saiu divulgando uma nota, sem nem ao menos conferir o material.

Felipe Nascimento disse...

Ai, ai, é cada coisa que eu leio...

Claro, claro.. vamos assistir e abrir os olhos das distribuidoras para que continuem chamando "qualquer um que fale português nativo" em jornaizinhos para imigrantes em Miami.

E vamos nos lembrar com saudade de como eram boas as dublagens de Patch Adams na Record e Soul Hunter na Locomotion.

"Gente nova" e sem o menor talento é o que há! Quanto menos interpretação e dicção, melhor para nossa dublagem!

YES! Yuhuuu!!