Desejo: Boas Festas...

quarta-feira, 10 de março de 2010

As últimas do Lula e será que a Dilma pensa igual?

Navegantes,
Eu, e acredito que muitos outros cidadãos, estou muito triste e decepcionada com as última declarações do presidente Lula. Inacreditável como um país supostamente democrático como o Brasil apoia um regime militar.
Lula foi prisioneiro político e hoje, ele diz o seguinte: "Temos de respeitar a determinação da Justiça e do governo cubanos. A greve de fome não pode ser um pretexto de direitos humanos para liberar as pessoas. Imagine se todos os bandidos presos em São Paulo entrarem em greve de fome e pedirem liberdade", afirmou. É o que está escrito no site da Folha. É curioso. Preso político é bandido, agora?
O mais curioso é que o Brasil se meteu nos problemas em Honduras e NÓS é que pagamos pela estadia de Zelaya lá em nossa embaixada. É para respeitar, então, porque aceitou aquele italiano, que o governo da Itália dizia bandido e aqui, ele era preso político?
Dois pesos, duas medidas. A mim, ficou claro que o governo aceita ditadura, se ela for de esquerda! Pode-se massacrar, barbarizar, não tem problema. Se for de esquerda, está tudo certo... O que me deixa triste é que votei no Lula. E hoje, leio este tipo de comentário. E a Dilma, será que ela pensa igual?
 
←  Anterior Proxima  → Inicio

1 comentários:

L.Karina disse...

É o que eu digo:Esquerda e Direita são a mesma coisa.Acho uma temeridade alguém achar legal ditadura seja lá do que for.